Ao Vivo

estadao

Oscar 2018

A cerimônia de entrega das estatuetas da 90ª edição do Oscar 2018 será nesse domingo, 4 de março. A equipe do 'Caderno 2' fará a cobertura do evento, confira.

 

Acompanhe a cobertura minuto a minuto do Oscar 2018 feita pela equipe do 'Caderno 2'.

A cerimônia de entrega das estatuetas da 90ª edição do prêmio da Academia será neste domingo, 4 de março. A cobertura começa já no tapete vermelho, com a chegada dos artistas ao Dolby Theatre, em Los Angeles.

Veja aqui a lista de indicados ao Oscar 2018.

ACOMPANHE AO VIVO

Atualizar
  • 02h29

    05/03/2018

    No Oscar 2018, 'A Forma da Água' fica com melhor filme e melhor diretor. O Caderno 2 agradece a audiência. Não deixe de conferir os vencedores aqui

    Reuters

  • 02h21

    05/03/2018

    Depois de brincar com Warren Beatty e checar se realmente era seu nome que estava escrito no envelope do melhor filme, por 'A Forma da Água', o mexicano Guillermo Del Toro agradeceu, nos bastidores, seus "mestres". Falando em espanhol, ele nomeou uma série de profissionais que o ajudaram na carreira. "Logo nos veremos em Guadalajara", disse. - Ubiratan Brasil, de Los Angeles

    Reuters

  • 02h19

    05/03/2018

    Em fotos, os principais vencedores da 90ª edição do Oscar: confira aqui

    Lucas Jackson/Reuters

  • 02h12

    05/03/2018

    Com quatro prêmios, incluindo melhor filme e direção, 'A Forma da Água' encerra a cerimônia de número 90 do Oscar como o maior vencedor. A premiação, rápida e sem grandes surpresas - seja entre os vencedores ou no seu decorrer - foi marcada por protestos do movimento '#MeToo' e pela grande quantidade de prêmios para produções inspiradas ou realizadas pela América Latina, como a animação 'Viva' ou o filme chileno 'Uma Mulher Fantástica'. 

    AP

  • 01h53

    05/03/2018

    'A Forma da Água'. Não houve zebra e o mais indicado e apostado acabou ganhando o prêmio principal. É um prêmio original, pelo gênero do filme, em tese “não premiável” e pela nacionalidade do diretor. A sacada de Del Toro foi colocar o gênero fantástico num clima de romantismo desbragado, de um lado, e de paranóia da Guerra Fria, de outro. O fato de ser um diretor mexicano adiciona um tom crítico adicional a esta cerimônia que, no todo, teve um perfil baixo e discreto. As mensagens foram passadas, mas sem o brilho e a marca da surpresa que tiveram no Globo de Ouro. O México deve estar em festa e a mensagem final é a seguinte: abaixo os muros e Viva a Vida! - Luiz Zanin

    AP

  • 01h39

    05/03/2018

    Outra bola cantadíssima da noite: melhor atriz, Frances McDormand por seu papel em 'Três Anúncios para um Crime'. Acho mesmo que tinha de ser ela, que já tinha um prêmio por 'Fargo', quando interpretava uma policial grávida. Agora está inesquecível como a mãe que exige a punição do criminoso que matou sua filha. E ela faz discursos muito engraçados. Emocionou a todos pedindo que todas as mulheres presentes se levantassem para ser aplaudidas. A questão é “inclusão”, ela disse. Além de ótima atriz, é também muito consciente. E bem-humorada, o que hoje são qualidades difíceis de encontrar juntas. - Luiz Zanin 

  • 01h29

    05/03/2018

    Guillermo del Toro ganha o Oscar 2018 de direção por 'A Forma da Água' e leva mais um prêmio para o México. Esta é a quarta vez nos último cinco anos em que um diretor mexicano leva a estatueta. Leia mais aqui

    REUTERS/Lucas Jackson

  • 01h28

    05/03/2018

    A bola mais cantada da noite - Gary Oldman melhor ator por sua caracterização de Winston Churchill num momento crucial da História do século 20, em 'O Destino de Uma Nação'. A decisão de enfrentar Hitler custasse o que custasse foi uma grande página na biografia do homem. Ganhou, com Oldman, um ator à altura do personagem, o que não é dizer pouco. Justíssimo. - Luiz Zanin

  • 01h25

    05/03/2018

    E Gary Oldman leva o Oscar de "melhor atuação com uma máscara". - Pedro Antunes

  • 01h23

    05/03/2018

    Entregar o Oscar de melhor diretor a Guillermo Del Toro é diplomático. Seu trabalho em 'A Forma da Água' pega emprestado linguagem, estética e cores - a única originalidade do longa é a trilha de Desplat. Matemático e com o coração, Christopher Nolan merecia levar o prêmio com 'Dunkirk'. - Pedro Antunes

  • 01h23

    05/03/2018

    'Remember Me' é a canção de água com açúcar, prontinha para ser esquecida em breve - ou alguém aqui ainda quer saber de 'Let it Go', também obra do casal Kristen Anderson-Lopez e Robert Lopez. 'Viva: A Vida é uma Festa' é uma belezinha, mas 'Stand Up For Something' (de 'Mudbound') é mais importante para 2018 e 'Mystery of Love', de Sufjan Stevens, é uma obra prima. - Pedro Antunes

  • 01h22

    05/03/2018

    Ainda sobre a trilha sonora, o que Alexandre Desplat faz, em 'A Forma da Água', é pincelar as cores tão buscadas por Guillermo Del Toro. O filme não entrega o que propõe, mas a trilha faz a trama se aproximar do coração. - Pedro Antunes

  • 01h18

    05/03/2018

    Guillermo del Toro leva o Oscar de direção. Bem, muita gente apostava que o prêmio poderia ir para Jordan Peele ou Greta Gerwig, pela prevalência de questões raciais e de gênero na edição deste ano. Mas um prêmio para um mexicano também não deixa de ser politicamente explosivo no país de Donald Trump. E, no discurso de agradecimento Del Toro não deixa por menos e fala num mundo que iria muito melhor sem muros. É isso mesmo: precisamos de mais pontes e menos muros. Bom prêmio. - Luiz Zanin

  • 01h09

    05/03/2018

    'Remember Me' fica meio na cabeça de quem assiste a animação 'Viva: a Vida é uma Festa'. Acho que também foi a premiação mais lógica. - Luiz Zanin

  • 01h02

    05/03/2018

    Alexandre Desplat faz uma trilha original muito bonita para 'A Forma da Água'. Muitas vezes a música de cinema só funciona na tela. A dele se aguenta muito bem apenas ouvida. Tentem no Spotfy. É muito bonita. Achei justíssimo o Oscar para o francês. - Luiz Zanin

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.