Terça-feira, 13 de Fevereiro de 2007, 19:58 | Online

Onze dias de reflexão no caminho do sol

Quem quiser pode participar apenas de parte do trajeto

Uma caminhada de fé e autoconhecimento por 241 quilômetros entre Santana de Parnaíba e Águas de São Pedro, no interior de São Paulo. Os peregrinos que desde ontem seguem o Caminho do Sol têm um cenário de rios, serras, pastos e canaviais para inspirar, durante 11 dias, momentos de reflexão.
O roteiro, criado em 2002, foi baseado no lendário Caminho de Santiago de Compostela e serve, inclusive, como preparação para a jornada européia. Na caminhada iniciada ontem - e que segue até o dia 22 - participam peregrinos espanhóis e hospitaleiros do próprio Caminho de Santiago.
A novidade é que ainda dá tempo de participar. “Estamos liberando caminhadas parciais para quem não quer andar os 11 dias”, adianta o idealizador do Caminho do Sol, José Palma. Segundo ele, romeiros podem seguir o percurso apenas no período do carnaval ou até por um ou dois dias. A inscrição é cobrada por dia e custa R$ 20.
O tema da vez é Geometria Sagrada e será explicado pelo estudioso espanhol Álvaro de La Torre. “Vamos falar sobre a construção e a restauração de igrejas românicas no Caminho de Santiago e a interferência dessa geometria no dia-a-dia”, comenta Torre.
A pedagoga Hosana de Souza, de 43 anos, estava ansiosa para seguir, pela primeira vez, o Caminho do Sol. “Sentia necessidade de algo, mas não sabia o que fazer.” Na semana passada, ela descobriu na internet o site oficial do Caminho do Sol e decidiu participar. “Nunca tinha ouvido falar sobre o caminho, mas fui conduzida de alguma forma a segui-lo”, confessa. “Tenho certeza de que alguma coisa vai acontecer na minha vida.”
Os peregrinos recebem o Passaporte do Sol, que será carimbado a cada parada. Todos os dias, eles caminham de seis a oito horas e param em pousadas e fazendas para fazer as refeições, descansar e até lavar roupa. Cada pernoite custa, em média, R$ 50.
No sábado, 17, será o dia da vivência na Fazenda Milhã, em Capivari, com palestras sobre o tema da caminhada. A entrada é paga à parte e custa R$ 40. A próxima saída do Caminho do Sol está marcada para 21 de março, com o tema Caminhada Templária.
Informações: (0--11) 6215-1661; www.caminhodosol.org.
:

    Publicidade: