A boia da salvação
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A boia da salvação

Cley Scholz

23 Setembro 2015 | 21h31

25 de dezembro de 1915

25 de dezembro de 1915

“Como o náufrago, no meio do mar furioso, agarra-se com todas as suas forças à boia ou a qualquer fragmento do navio que pode pegar, assim o infeliz acometido de bronquite, catarro, asma, defluxo persistente, etc, deve agarrar-se ao Alcatrão-Guyot, que curará infalivelmente a sua moléstia”.

25 de dezembro de 1915. Confira a edição no Acervo Estadão.

Mais medicamentos de antigamente AQUI.


Reclames do Estadão: A história do anúncio impresso 

Instagram Twitter Facebook  Pinterest 

Mais conteúdo sobre:

1915