Carros que sumiram das ruas

  • Alguns carros vieram para o Brasil lançados com grande pompa e conquistaram até um sucesso surpreendente. Mas junto de outros que foram meros coadjuvantes, deixaram o País por força do mercado. A Renault Scenic é um bom exemplo. Encheu os cofres da marca de dinheiro, mas foi abandonada em 2010 por outra paixão: os SUVs

    Crédito: Divulgação

  • O Chevolet Agile foi outro que teve números de vendas consistentes, mas representava apenas um projeto tapa buraco para o Onix. Durou só cinco anos, de 2009 a 2014

    Crédito: Divulgação

  • Muito valorizado até hoje, o Corolla Fielder foi aposentado em 2008 pela Toyota por causa das baixas vendas que o segmento de peruas vive até hoje 

    Crédito: Divulgação

  • Vindo da Coreia do Sul com um preço elevado, o Sonic não emplacou - mesmo depois que passou a vir do México. Teve visto brasileiro por dois anos apenas, de 2012 a 2014

    Crédito: Divulgação

  • Outro Chevrolet, o Malibu vindo dos EUA era muito mais caro que o Ford Fusion, que vinha do México, e não conseguiu competir no segmento. Também ficou só dois anos, de 2010 a 2012

    Crédito: Divulgação

  • O Citroën C4 VTR chegou chamando a atenção pelo design, mas foi esquecido como uma banda de rock de apenas um sucesso. Ficou aqui muito pouco, de 2006 a 2009

    Crédito: Divulgação

  • Quem também tinha um apelo visual forte era o PT Cruiser, inversamente proporcional ao seu sucesso comercial. Deixou de ser feito no mundo todo em 2011

    Crédito: Divulgação

  • A Ford Explorer era uma bela opção para o segmento dos SUVs grande quando chegou ao Brasil em 1993. Mas foi perdendo o apelo comercial com preços elevados e nos abandondou em 2006

    Crédito: Divulgação

  • A Peugeot 207 Escapade (206 Escapade com botox) seguiu a falta de interesse pelo consumidor nas peruas e foi desaparecendo das ruas até dizer adeus 2012, quatro anos depois do início de sua produção

    Crédito: Divulgação

  • O motor turbodeisel e o visual interessante não fizeram do Nissan Xterra um sucesso de vendas. Poucas unidades foram vendidas no período em que ele esteve aqui, de 2003 a 2008

    Crédito: Divulgação

Comentários

Tabela JC