Ir para o conteúdo
ir para o conteúdo
 • 
Você está em Notícias > Brasil
Início do conteúdo

Detento comete suicídio na Penitenciária Federal em Catanduvas

'Aladim' se lamentava da situação financeira da mulher e do filho e teria se enforcado com panos entrelaçados

29 de maio de 2010 | 1h 06
Ricardo Valota e Júlia Baptista, do estadão.com.br

Mentor de uma chacina ocorrida em 2008 em Salvador (BA) e cumprindo pena por tráfico de drogas e homicídio, o detento Renildo dos Santos Nascimento, o "Aladim ", de 28 anos, foi encontrado morto, às 7h20 desta sexta-feira, 28, dentro de uma das celas da Penitenciária Federal de Segurança Máxima em Catanduvas, no Paraná. Esse é o primeiro suicídio ocorrido dentro da unidade, inaugurada em maio de 2006 com 208 celas individuais e 12 de isolamento.

Segundo a Polícia Federal de Cascavel, o detento - que em setembro de 2009 foi transferido com outros 13 criminosos para o Paraná depois de uma série de ataques a ônibus e postos policiais na capital baiana - teria se enforcado usando calças e panos entrelaçados. Segundo o que foi apurado pelos policiais com outros detentos, Renildo vivia se lamentando da situação financeira difícil pela qual a mulher e filho dele vinham passando.






Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Protesto pede autonomia para o IBGE

  • Protesto pede autonomia para o IBGE
  • Devo ou não contratar a garantia estendida?
  • Todas as informações sobre o produto têm de ser claras



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo