Ir para o conteúdo
ir para o conteúdo
 • 
Você está em Notícias > Brasil
Início do conteúdo

Idoso é morto em confusão entre moradores e PMs da UPP de Manguinhos

José Joaquim de Santana, de 81 anos, levou um tiro na cabeça depois que um dos policiais fez um disparo para cima

19 de dezembro de 2013 | 10h 43
Thaise Constâncio - O Estado de S. Paulo

RIO - Moradores da favela Mandela 2 e policiais militares da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) de Manguinhos, na zona norte do Rio, se envolveram em uma confusão por volta das 21h de quarta-feira, 18, que terminou com a morte de José Joaquim de Santana, de 81 anos. Santana levou um tiro na cabeça quando estava na varanda de casa e morreu no local. Um policial militar não identificado assumiu a autoria dos disparos.

Revoltados com a morte do idoso, moradores fecharam a Avenida Leopoldo Bulhões, em Bonsucesso, zona norte, por cerca de 30 minutos.

De acordo com o Comando das UPPs, os agentes da unidade do Arará/Mandela revistavam três suspeitos na localidade conhecida como Predinhos e encontraram uma quantidade ainda não contabilizada de maconha. Pela versão dos moradores, os policiais abordaram um menor e tentaram levá-lo para a delegacia antes da chegada da mãe do jovem. Ainda segundo o Comando das UPPs, enquanto os PMs levavam os detidos para a delegacia, a população atirou pedras e objetos contra os policiais e uma viatura para impedir a ação.

Os agentes chegaram a usar gás de pimenta contra os moradores. Enquanto um capitão da UPP conversava com moradores, outros policiais jogaram uma bomba de gás lacrimogêneo contra as pessoas, iniciando nova discussão.

Durante a confusão, os policiais fizeram diversos disparos para o alto e um dos tiros atingiu Santana. Em nota, o comandante da UPP Arará/Mandela, capitão Paulo Ramos, informou que um inquérito foi aberto para verificar a ocorrência. O policial já foi identificado, mas não teve o nome revelado, e a arma dele foi colocada à disposição para ser periciada.

Na confusão, quatro policiais tiveram ferimentos leves. Todos os agentes envolvidos serão afastados das operações de rua até a conclusão do inquérito.

O policiamento foi reforçado na região com agentes de diversas UPPs. O caso está sendo investigado pela Divisão de Homicídios (DH). O corpo do idoso permanece no Instituto Médico-Legal (IML) Afrânio Peixoto e aguarda a liberação da família.

O complexo de Manguinhos foi ocupado pela PM em dezembro de 2012 e a UPP foi inaugurada em janeiro deste ano. Nesta quinta-feira, 19, a Secretaria de Estado de Segurança (Seseg) comemora cinco anos de implantação da primeira UPP, na comunidade Santa Marta, em Botafogo, zona sul.





Tópicos: Manguinhos, Upp

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

As obras inacabadas da Transnordestina

  • As obras inacabadas da Transnordestina
  • Belo Horizonte na Copa
  • 700 famílias temem ficar sem teto em ocupação de Osasco



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo