Ir para o conteúdo
ir para o conteúdo
 • 
Você está em Notícias > São Paulo
Início do conteúdo

Inspeção veicular será suspensa às 19h desta sexta em SP; tire suas dúvidas

A partir deste sábado não serão aplicadas multas; quando voltar, vistoria valerá para frota menor do que a atual

31 de janeiro de 2014 | 8h 55
O Estado de S. Paulo

SÃO PAULO - A Prefeitura de São Paulo divulgou nesta sexta-feira, 31, por meio de nota, que a partir de sábado, 1.º, a inspeção ambiental veicular estará temporariamente suspensa na capital paulista. A concessionária Controlar, que presta o serviço desde 2008, fechará as portas às 19h desta sexta-feira. A partir de sábado, não serão aplicadas multas por falta de inspeção, até que a atividade seja retomada.

Postos da Controlar funcionam só até as 19h desta sexta-feira - Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão
Postos da Controlar funcionam só até as 19h desta sexta-feira

Com isso, os cerca de 3,4 mil veículos que ainda não fizeram a inspeção referente ao calendário de 2013 e os 69,7 mil que fizeram e não foram aprovados podem ser "anistiados" temporariamente. Até quarta-feira, 29, por volta de 3 milhões de veículos haviam passado pelo teste.

Conforme a nota da Prefeitura, quando a inspeção ambiental voltar a valer, os "veículos com pendências terão prazo para realizar" o serviço.

Segundo a administração municipal, o licenciamento dos veículos para o exercício de 2014 "não ficará condicionado à aprovação na inspeção veicular até que o serviço seja restabelecido". A Prefeitura informou que o edital para contratar uma nova empresa para fazer a inspeção "está em consulta pública e será publicado nos próximos dias".

No início do mês, a gestão do prefeito Fernando Haddad (PT) havia levantado a hipótese de o serviço ser retomado a partir de maio, caso todos os trâmites do processo licitatório sejam vencidos dentro dos prazos.

O novo calendário da inspeção ambiental será publicado no Diário Oficial da Cidade, pela Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente, "oportunamente", destacou a Prefeitura. Nessa portaria será definida a frota alvo para a inspeção, segundo a nova lei que organiza o programa, aprovada em abril do ano passado.

Pelas novas regras, carros com até três anos de uso ficam isentos de passar pela inspeção. Além disso, os carros que forem aprovados não precisarão pagar a taxa, como ocorre até hoje. Automóveis que tiverem entre quatro e nove anos precisarão fazer a inspeção a cada dois anos. Já os com mais de dez anos e os movidos a diesel deverão se submeter ao programa anualmente.

Dessa forma, a inspeção vigorará para aproximadamente 40% da frota que era obrigada a passar anteriormente pelo programa.

PERGUNTAS E RESPOSTAS

1. Como fica o licenciamento de quem não fez a inspeção na capital paulista?

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-SP) informou que os motoristas que já pagaram o licenciamento neste mês, mas receberam por carta um aviso sobre a falta de inspeção em 2013, deverão "aguardar, pois o documento será emitido e enviado à residência do condutor no mês de fevereiro". Já as pessoas que pagaram o licenciamento em dezembro, quando ainda estava disponível o agendamento da inspeção, e não conseguiram passar pela vistoria, precisam comparecer pessoalmente ao Detran-SP e "apresentar o comprovante de pagamento". Nos demais casos, deve-se esperar a orientação da Prefeitura: regras de transição e detalhes sobre os novos contratos de análise veicular devem ser divulgados hoje.

2. A inspeção voltará ainda em 2014? Com a mesma regra?

É possível. Contudo, só 40% da frota que passou pela inspeção em 2013 será obrigada a ser vistoriada no novo modelo. Os seminovos (com mais de 4 anos) deverão se submeter ano sim, ano não. Já os com mais de uma década de idade precisarão fazer a inspeção anualmente, assim como todos os veículos movidos a diesel. Desde 2010, toda a frota era obrigada a ser inspecionada, o que a atual gestão considera desnecessário, pois veículos novos poluem menos.

3. Qual a punição para quem não fez a análise?

Dirigir sem ter o licenciamento em dia é uma infração gravíssima, com multa de R$ 191,54, mais 7 pontos na carteira de habilitação, além da apreensão do veículo.






Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Fóruns Estadão Brasil 2018 debate educação no Brasil

  • Fóruns Estadão Brasil 2018 debate educação no Brasil
  • O dia seguinte no morro Pavão-Pavãozinho
  • Brasília: monumental na aparência e nas distâncias



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo