Ir para o conteúdo
ir para o conteúdo
 • 
Você está em Notícias > São Paulo
Início do conteúdo

Pedágio eletrônico concorrente do Sem Parar começa a ser vendido em SP

Auto Expresso poderá ser usado em todos os pedágios estaduais a partir de 14 de fevereiro

05 de fevereiro de 2013 | 17h 02
Caio do Valle - O Estado de S.Paulo - Atualizado às 17h20

Começou a ser vendido nesta terça-feira, 5, um novo serviço de pedágio eletrônico nas rodovias de São Paulo. Primeiro concorrente do Sem Parar, o Auto Expresso pode ser adquirido pela internet (www.autoexpresso.com.br) e usado em todos os pedágios estaduais a partir do dia 14, após o carnaval. Inicialmente, o governo do Estado pretendia que o produto começasse a funcionar em setembro do ano passado, mas houve atraso. Em março, uma terceira marca, a ConectCar também estará disponível, conforme antecipou o Estado em janeiro.

Outro pedágio eletrônico, a ConectCar, também estará disponível a partir de março - Epitácio Pessoa/AE
Epitácio Pessoa/AE
Outro pedágio eletrônico, a ConectCar, também estará disponível a partir de março

Com a concorrência, a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) tenta fazer com que caiam os preços para a adesão e aquisição dos "tags" (aparelho que identifica a passagem do veículo pelo pedágio) e dos planos pré e pós-pagos.

No mês passado, a empresa DBTrans, responsável pelo Auto Expresso, havia informado que lançaria o serviço no último dia 28, mas houve outro atraso, e a operação só poderá começar no próximo dia 14.

Segundo a Artesp, o plano Auto Expresso Livre, pré-pago, terá uma taxa de adesão de R$ 30 para veículos de passeio, com taxa de recargar de R$ 6. A modalidade pós-paga custará R$ 30 de adesão, com mensalidade de R$ 6. A agência reguladora informou que "todos os planos estão com um desconto de cerca de 47%". Existem ainda planos para caminhoneiros e transportadoras.

Os motoristas que optarem pelo Auto Expresso ou pelo futuro ConectCar deverão usar as mesmas cabines de débito atualmente voltadas para o Sem Parar. A sinalização das placas de trânsito e na pista das rodovias já começou a ser alterada para indicar as novas operadoras.

Veja tabela com os preços de cada operadora:






Tópicos: Pedágio, Sem Parar

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Protesto pede autonomia para o IBGE

  • Protesto pede autonomia para o IBGE
  • Devo ou não contratar a garantia estendida?
  • Todas as informações sobre o produto têm de ser claras



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo