Ir para o conteúdo
ir para o conteúdo
 • 
Você está em Notícias > Brasil
Início do conteúdo

Rio receberá 10 Companhias Destacadas da PM

Mais de 600 agentes serão treinados para monitorar áreas no Estado onde os índices de criminalidade aumentaram

19 de dezembro de 2013 | 12h 45
Thaise Constancio - O Estado de S. Paulo

RIO - Cidades da Baixada Fluminense, da região metropolitana e da capital do Rio, receberão, a partir de janeiro, dez Companhias Destacadas da Polícia Militar, cada uma com 60 agentes. O anúncio foi feito após reunião entre o secretário de Estado de Segurança, José Mariano Beltrame, com prefeitos de São João de Meriti e Belford Roxo, o secretário de Segurança de São Gonçalo e comandantes dos batalhões das áreas, na quarta-feira, 18.

As regiões foram escolhidas a partir de um mapeamento de áreas onde alguns índices de criminalidade aumentaram. As companhias vão combater ocorrências como roubo de veículos e crimes violentos como homicídio doloso, latrocínio, homicídio decorrente de intervenção policial e lesão corporal seguida de morte.

As Companhias Destacadas são vinculadas aos batalhões locais e ajudarão no monitoramento e acompanhamento de cada região. No total, 602 policiais que se formarão no início de 2014 trabalharão nas Companhias, que serão coordenadas por policiais mais antigos. Na região metropolitana serão três: duas em São Gonçalo (uma para atender moradores dos Morros da Coruja e Menino de Deus, e outra no bairro do Jóquei) e uma em Niterói, no bairro de Pendotiba.

Na Baixada Fluminense será instalada uma companhia em Duque de Caxias (próximo ao Complexo da Mangueirinha); uma em Belford Roxo (favela Gogó da Ema); outra em São João de Meriti (bairro Vila Ruth) e uma última em Nova Iguaçu (Cabuçu). Na capital, os bairros de Vila Kennedy, na zona oeste, e Pavuna, na zona norte, receberão uma companhia cada uma. A décima unidade será instalada na Praça Seca, em Jacarepaguá, na zona oeste, para atender as favelas Bateau Mouche e São José Operário.






Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

As obras inacabadas da Transnordestina

  • As obras inacabadas da Transnordestina
  • Belo Horizonte na Copa
  • 700 famílias temem ficar sem teto em ocupação de Osasco



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo