12:18


15 de Abril de 2010

 

Patrocinado por




Você está em Economia
Início do conteúdo

PDV dos Correios tem adesão de 5.587 funcionários no País

Programa, que teve como foco trabalhadores com mais de 10 anos de empresa, terá custo de R$ 360 milhões

25 de maio de 2009 | 12h 38
Giuliana Vallone, do estadao.com.br

O Programa de Demissão Voluntária promovido pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos teve 5.587 adesões, 24,3% do grupo englobado pelo PDV, segundo o presidente da ECT, Carlos Henrique Custódio. Os funcionários serão dispensados até 1º de junho.

O programa, que terminou na sexta-feira, oferecia 20% do salário-base do ano trabalhado, a multa do FGTS e o aviso prévio de rescisão aos cerca de 23 mil trabalhadores com mais de 50 anos de idade e pelo menos 10 de serviço nos Correios. "A grande maioria dessas pessoas (que aderiram ao programa) já é aposentada pela Previdência", disse Custódio.

Segundo ele, o programa tinha como objetivo "reciclar e oxigenar a empresa", além de diminuir os custos com os salários dos funcionários. Ele explicou que, pela estrutura salarial das empresas públicas, a remuneração dos trabalhadores aumenta de acordo com o tempo de casa. Assim, as pessoas que serão contratadas para repor aqueles que aderiram ao PDV terão salários menores. "Com menos da metade do que esse pessoal ganhava, vamos contratar novos funcionários."

As recontratações serão focadas nas áreas de atendimento e distribuição. O maior ganho de produtividade será na área administrativa. De acordo com Custódio, muitos dos cargos dessa área não serão repostos. "Com as reestruturações e a junção de algumas áreas, muitas pessoas ficaram ociosas", disse. O custo do programa será de R$ 360 milhões, que devem ser quitados, segundo o presidente da ECT, em 11 meses.

Essas despesas deverão impactar o balanço da empresa em 2009. "Provavelmente esse ano teremos resultado menor do que no ano passado", disse Custódio. O impacto líquido no balanço da ECT - que em 2008 teve lucro de R$ 804 milhões - deve ficar em cerca de R$ 250 milhões. Após a quitação das despesas com o PDV, porém, a empresa deve ter um ganho de caixa de R$ 200 milhões por ano como resultado do programa, afirmou o presidente.

Atualmente, os Correios têm cerca de 115 mil funcionários em todo o Brasil.






Tópicos: Correios, Emprego, Empresas

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui


Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo