Todo mundo quer jogar contra o Brasil, diz Roque Santa Cruz

CÓRDOBA - O atacante Roque Santa Cruz, uma das maiores esperanças de gols do Paraguai na Copa América, declarou que o duelo deste sábado contra o Brasil é a oportunidade perfeita para sua seleção "mandar uma mensagem" e demonstrar que está em busca de uma conquista importante.

Efe

08 Julho 2011 | 17h43

O jogador do Blackburn, da Inglaterra, acrescentou que os jogadores estão "muito emocionados porque é uma partida dessas que todo mundo quer jogar" e que estão preparados para a tarefa.

"Nós vamos fazer nosso jogo de sempre. O Brasil é uma equipe tecnicamente muito boa, mas vamos explorar nossas virtudes e aproveitar os erros que eles possam cometer", afirmou o ex-jogador do Bayern de Munique e do Manchester City.

Aos 29 anos, o experiente goleador paraguaio fez um balanço da Copa América até o momento. "O resultado dos chamados grandes surpreende, mas é sabido que o futebol sul-americano está muito nivelado", considerou.

Santa Cruz também lamentou o empate do Paraguai contra o Equador, na estreia das duas seleções na competição, mas preferiu focar sua atenção nos brasileiros e no desafio de vencer os pentacampeões mundiais.

"Vai ser um duelo muito importante para nós e sabemos que temos que conseguir um bom resultado. As mensagens são dadas neste tipo de jogo", concluiu o atacante.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.