Ação do Wii provoca danos físicos e materiais

Jogadores de videogames gostam de violência nas telas, mas agora eles estão pagando caro ao verem sua ânsia por ação extravasar a área de seus televisores. Usando o Wii, da Nintendo, o mais comentado dos três consoles de videogame que estão nas lojas neste período de festas de fim de ano, os usuários de jogos aparentemente inofensivos como simulações de partidas de tênis e de boliche estão saindo machucados devido ao joystick do console. E isso sem mencionar telas de TVs e computadores e ventiladores de teto. A Nintendo alertou os jogadores de que é necessário usar a faixa que prende o controlador de seu console, que é sensível a movimentos, ao pulso e manter as palmas das mãos secas durante as partidas. Mas o blog de Jim Walsh, o WiiHaveAProblem (algo como ´nós temos um problema´, fazendo um trocadilho entre o pronome We e o nome do videogame)está divulgando histórias divertidas --e embaraçosas-- sobre o que ele denomina como "a mais recente tendência de violência nos videogames". Walsh, especialista em sistemas operacionais que vive em Cleveland, criou o site no mês passado depois de ouvir a primeira história sobre danos causados pelo Wii: um amigo arremessou sem querer o controlador contra a tela do televisor. O objetivo da página era descobrir qual seria a reação dos usuários. E ele recebeu um dilúvio de histórias semelhantes. O site registrou mais de três milhões de visitas desde que foi lançado, e ele recebe entre 20 e 30 e-mails por dia detalhando as lastimáveis histórias de jogadores que sofrem de entusiasmo excessivo, e dos estragos causados pelo Wii. "A Nintendo criou um sistema realmente divertido", disse Walsh à Reuters em entrevista por telefone. "As pessoas se entusiasmam de verdade. As mãos ficam suadas e a próxima coisa que você vê é o controlador voando e atingindo o cachorro." Ou a própria cabeça do usuário, algo que aconteceu com Nicole, uma das pessoas que contribuíram para o site, durante uma partida de boliche virtual. "Eu movimentei o braço com força para derrubar os pinos e subitamente percebi que minha cabeça estava doendo", escreveu Nicole em mensagem acompanhada de fotos do machucado. "Eu estava usando a faixa de pulso, e por isso, em vez do controlador sair voando, ele voltou e me acertou na cabeça." Ela acrescenta que estava sóbria no momento do acidente. Se beber, não jogue O site conta ainda casos de pessoas que estavam brincando com o console e bebendo. As histórias contam tragédias como objetos quebrados ou pessoas machucadas. E há ainda incidentes em que a faixa que prende o controle à mão se rompe, causando dor do tipo financeira. "Um amigo meu que nunca joga videogame acabou jogando com o Wii", escreve Dopefish. "Depois de uma hora de brincadeira, ele estava jogando boliche com muito entusiasmo e pouca faixa ao redor do pulso. BUM. O controle acabou voando para a minha TV de 3.500 dólares." Uma vez que para jogar boliche, o balanço do braço é fundamental para controlar a ação do jogo, o destino de inocentes telas de televisores acaba ficando nas mãos do usuário do Wii, armado com o controle sensível a movimentos. Depois da série de desastres causados pela euforia dos usuários, a Nintendo lançou uma versão mais resistente da faixa com um alerta de segurança escrito em letras maiúsculas que pede para as pessoas não deixarem o controle solto nas mãos. Walsh admite que alguns dos estragos narrados em seu blog poderiam ter sido evitados se as pessoas seguissem as informações de segurança e ficassem menos empolgadas diante dos jogos na TV. "Você tem que se lembrar de que não está realmente arremessando uma bola a 150 quilômetros por hora...com isso você não vai acabar contando sua experiência no meu site", disse ele.

Agencia Estado,

14 Dezembro 2006 | 15h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.