Felipe Rau/AE
Felipe Rau/AE

Adivinhe quem vem para o chá?

Foi necessário passar pela faculdade de direito para que a pâtissière Patrícia Husni tivesse certeza de que seu negócio é mesmo a cozinha. Mas antes de se lançar entre macarons, camafeus, brigadeiros, trufas e marzipãs, ela estudou confeitaria e panificação na Universidade Anhembi Morumbi. Formada, rumou aos Estados Unidos e França para refinar técnica e receituário.

Cíntia Bertolino,

04 Novembro 2010 | 13h48

 

A advogada-confeiteira vende suas delícias apenas por encomenda (tels. 3884-6699 e 7854-9492). Ela acaba de lançar uma linha com biscoitos tradicionais da França, Itália, Estados Unidos e Brasil. Todos são feitos artesanalmente com pasta de amêndoa, de pistache e de baunilha importadas da França.

 

No próximo ano, ela pretende abrir uma loja. “A ideia é abrir uma loja pequena, com mesinhas de estilo provençal e oferecer docinhos para acompanhar o café”, adianta Patrícia.

 

Tomara que, na loja, os preços melhorem. Os biscoitos são vendidos em caixas de madeira com seis (R$ 120) ou oito variedades (R$ 150). Os pedidos devem ser feitos com dois a sete dias de antecedência, conforme a variedade dos biscoitos desejada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.