1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine


Arapaima Participações passa a deter 96,2% da Cremer após OPA

REUTERS

01 Julho 2014 | 10h 41

A fabricante de produtos para primeiros socorros e higiene Cremer informou nesta terça-feira que a Arapaima Participações passou a deter cerca de 96,2 por cento da companhia após leilão de oferta pública de ações (OPA) para saída da empresa do Novo Mercado.

A Arapaima, cujas ações são inteiramente detidas por fundos de investimentos sob gestão da Tarpon, adquiriu cerca de 7,2 milhões de papéis em circulação e outros 21,1 milhões de papéis detidos por pessoas a ela vinculadas, ao preço de 17 reais cada.

Após a investida, as ações em circulação da Cremer representarão 2 por cento do seu capital, afirmou a companhia em comunicado ao mercado.

Como comprou mais de dois terços das ações em circulação, a Arapaima deverá adquirir o restante dos papéis negociados livremente em três meses a partir da data de realização do leilão, cumprindo regras da Comissão de Valores Mobiliários.

"O preço de aquisição das ações durante o referido período será de 17 reais por ação (preço final obtido no leilão), ajustado pelo Índice de Preço ao Consumidor Amplo – IPCA", disse a Cremer.

Em março, a Arapaima havia divulgado a intenção de realizar a OPA, solução encontrada pelos fundos da Tarpon para que aumentassem sua participação na Cremer e cumprissem a regulamentação em vigor, já que a listagem no segmento do Novo Mercado exige que pelo menos 25 por cento do total de ações sejam negociadas livremente no mercado.

(Por Marcela Ayres)