Ir para o conteúdo
ir para o conteúdo
 • 
Você está em Notícias > São Paulo
Início do conteúdo

Atingir secretário com bala de borracha em reintegração é 'grave', diz ministro

Para Gilberto Carvalho, Paulo Maldos foi desrespeitado pela polícia em São José dos Campos

23 de janeiro de 2012 | 17h 45
Rafael Moraes Moura - O Estado de S.Paulo

BRASÍLIA - O ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, disse nesta segunda-feira, 23, considerar "um episódio grave" o fato de o secretário nacional de Articulação Social, Paulo Maldos, ter sido atingido por uma bala de borracha durante operação de reintegração de posse da área da comunidade do Pinheirinho, em São José dos Campos. "Não vou dizer que é imperdoável, mas é grave, não pelo Paulo, mas pelo cidadãos", disse o ministro à imprensa, após participar de cerimônia no Palácio do Planalto.

A Polícia Militar cumpriu ontem o mandado da reintegração de posse do Pinheirinho, área de 1,3 milhão de metros quadrados em São José dos Campos, no interior paulista. Cerca de 6 mil pessoas viviam no local. Logo cedo, a operação pegou os moradores de surpresa. "Ele (Paulo) é interrompido (durante as negociações), desrespeitado pela Polícia. Quando ele mostra a carteirinha de funcionário público federal, os guardas o desrespeitam e metem bala de borracha nele", comentou o ministro.

Paulo Maldos participava das negociações com os moradores na região. De acordo com informações da Secretaria Geral da Presidência, o secretário levou um tiro na perna, mas passa bem e trabalhou hoje normalmente. Para Gilberto Carvalho, o episódio não estremece as relações do governador Geraldo Alckmin com o Palácio do Planalto.

"Nós seguiremos dialogando, não queremos conflito com o governo de São Paulo, respeitamos a autonomia, seguiremos no diálogo. Para nós, o que está em jogo não é a posição desse ou daquele, mas o bem daquele povo, é se buscar uma saída para aquele povo que não pode ficar nessa situação", disse o ministro.




Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Protesto pede autonomia para o IBGE

  • Protesto pede autonomia para o IBGE
  • Devo ou não contratar a garantia estendida?
  • Todas as informações sobre o produto têm de ser claras



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo