Aula de história e estilo reeditada

Há 5 mil anos já se bebia vinho. A informação está no clássico A História do Vinho (CMS Editora, R$ 169), lançado em 1989, que acabou de ganhar nova edição em português, ilustrada e revista.

HUGH JOHNSON, O Estado de S.Paulo

21 Janeiro 2010 | 01h54

Hugh Johnson, o mais respeitável conhecedor e historiador do vinho, escreveu uma obra fundamental sobre o assunto. Mas não "só" isso.

Um prazer puramente literário, que vem da graça e erudição oxfordiana do autor, acompanha uma grande aula de história vinífera - daquelas em que se fica completamente vidrado.

Grande enófilo, comerciante de vinhos e bon vivant, Johnson é também autor do Atlas Mundial do Vinho (hoje escrito em parceria com Jancis Robinson e Julia Harding).

Nesta caprichada edição, fartamente ilustrada, o autor questiona: "Por que o vinho é tão especial?". Em seguida, responde: "Em parte porque, durante o maior período da humanidade, vinho foi o único recurso para reanimar a alma e soerguer o homem de seu esgotamento e tristeza".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.