1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine


Avião com britânico com Ebola deixa Serra Leoa para Grã-Bretanha

REUTERS

24 Agosto 2014 | 11h 08

Um avião da Força Aérea Real carregando um cidadão britânico que contraiu o vírus mortal Ebola em Serra Leoa decolou do aeroporto da capital Freetown no domingo com destino à Grã-Bretanha.

O britânico, cujo nome não foi divulgado, foi levado de ambulância para o Boeing C-17.

O Departamento de Saúde do Reino Unido disse em comunicado que o homem não estava gravemente doente e que tinha decidido repatriá-lo após indicação clínica.

Após a chegada na base aérea da RAF Northolt na Grã-Bretanha, ele será transportado para uma unidade de isolamento no Royal Free Hospital, em Londres, disse o departamento.

"As medidas de proteção serão rigorosamente mantidas para minimizar o risco de transmissão para o pessoal que transporta o paciente para o Reino Unido e os profissionais de saúde que tratam o indivíduo", disse Paul Cosford, diretor da Proteção da Saúde na Public Health England.

O surto da febre hemorrágica na África Ocidental - o pior desde que a doença foi descoberta nas selvas da África Central em 1976 - já matou pelo menos 1.427 pessoas, sobretudo em Serra Leoa, Libéria e Guiné. Cinco mortes também foram relatadas na Nigéria.

Dois médicos norte-americanos que contraíram Ebola na Libéria e foram evacuados para os Estados Unidos deixaram o hospital na semana passada, depois de receberem tratamento com uma droga experimental, ZMapp.

A fabricante sediada nos Estados Unidos, Mapp Biopharmaceutical, disse que suprimentos limitados da droga já foram esgotados.

(Reportagem de Josephus Olu-Mammah em Freetown e Kylie MacLellan em Londres)