1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine

Barco de imigrantes afunda na costa da Itália

REUTERS

27 Novembro 2011 | 10h 23

Ao menos três pessoas morreram e dezenas foram resgatadas quando uma embarcação transportando imigrantes ilegais do Paquistão e do Afeganistão afundou na costa da Itália perto do porto de Brindisi, no sudeste do país, disseram autoridades neste domingo.

A busca por até 20 desaparecidos continuava. Não há informações precisas sobre quantas pessoas estavam no barco. Autoridades disseram que dois corpos foram recuperados durante a noite e um terceiro foi levado pela maré até a praia no domingo.

"Os ventos sopram em direção à costa, então outras vítimas devem estar bem perto da terra. Nossa esperança é de que não haja outros (mortos)", disse o policial Giuseppe Minotauro à televisão SkyTG24.

Imagens de televisão mostraram o barco, que provavelmente veio da Grécia ou da Turquia, perto da praia com destroços flutuando na água.

Milhares de imigrantes ilegais da África e da Ásia morreram tentando cruzar o mar em direção à Itália, muitos viajando em barcos de pesca com superlotação.