1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine

Bombeiros interditam até 100 assentos da Arena das Dunas antes de jogo da Copa em Natal

REUTERS

13 Junho 2014 | 12h 54

O Corpo de Bombeiros de Natal interditou de 50 a 100 assentos da arquibancada temporária da Arena das Dunas em vistoria realizada nesta sexta-feira pouco antes do primeiro jogo da Copa do Mundo no estádio, entre Camarões e México, informou o Comitê Organizador Local (COL) do Mundial.

"Por questões de segurança houve um pedido para que de 50 a 100 lugares fossem realocados na arquibancada temporária”, disse à Reuters o porta-voz do COL, Saint-Clair Milesi.

Segundo ele, os bombeiros concederam o laudo de liberação do estádio para o jogo depois que os assentos considerados sem condições adequadas de proteção foram inutilizados.

“O estádio está liberado para a Copa. Acabei de falar com o nosso pessoal de lá e não há nenhum problema”, disse o porta-voz do COL, no Maracanã. “Como há instalações temporárias, o Corpo de Bombeiros só libera depois de tudo feito e definido”.

A Arena das Dunas foi um dos últimos estádios a ficar pronto para a Copa do Mundo, e ainda passava por obras no entorno mesmo no dia do primeiro jogo do Mundial em Natal.

Obras de mobilidade previstas para a Copa do Mundo na cidade também não ficaram prontas a tempo.

O estádio terá capacidade no Mundial para 42 mil pessoas, sendo 10 mil em arquibancadas temporárias erguidas apenas para a Copa do Mundo.

A arena, construída ao custo de 400 milhões de reais, receberá mais três jogos da Copa do Mundo além de México x Camarões, todas pela primeira fase: Gana x EUA, Japão x Grécia e Itália x Uruguai.

(Por Rodrigo Viga Gaier)