Ir para o conteúdo
ir para o conteúdo
 • 
Você está em Notícias >
Início do conteúdo

Cabral diz que pretende deixar governo do RJ em março para concorrer ao Senado

02 de dezembro de 2013 | 15h 07
Reuters

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), afirmou nesta segunda-feira que pretende deixar o governo em março, antes do término do mandato, para concorrer ao Senado nas eleições de 2014.

Cabral já vinha discutindo a saída antes do fim de seu segundo mandato para tentar alavancar a candidatura do vice, Luiz Fernando Pezão, que será lançado pelo PMDB na disputa para a sucessão estadual.

Segundo o governador, a candidatura ao Senado ainda precisa ser aprovada pelo partido.

"O Senado foi e é uma Casa da federação. Essa é uma decisão que cabe a uma aliança de partidos e vou colocar meu nome à disposição", disse Cabral a jornalistas.

O fim de março é a data estabelecida pela legislação eleitoral para a chamada desincompatibilização dos governantes de seus cargos para concorrer às eleições de 2014.

Cabral já ocupou uma vaga no Senado entre 2003 e 2006, quando renunciou ao cargo para disputar o governo do Estado.

A lista de pré-candidatos ao governo do Rio de Janeiro conta com nomes como o ex-governador Anthony Garotinho (PR), o ministro da Pesca, Marcelo Crivella (PRB), e o senador Lindbergh Farias (PT), além de Pezão.

A candidatura de Lindbergh pode representar um racha entre PT e PMDB, que há anos são aliados no Rio de Janeiro e em âmbito nacional. Nos últimos anos, o PT abriu mão de lançar candidatos próprios ao governo do Rio em troca de apoio nacional do PMDB aos governos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da presidente Dilma Rousseff.

"Acho que a população não vai compreender uma saída repentina do PT do meu governo.... respeito o PT local, o senador Lindbergh, mas acho que isso tem de ser discutido no momento apropriado. Eles estão há 7 anos, e o PT é governo estadual", disse Cabral.

(Por Rodrigo Viga Gaier)



Tópicos: POLITICA, RJ, CABRAL*

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão




Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo