1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine


Caminhoneiro se perde e é baleado em favela do Rio

THAISE CONSTANCIO - Agência Estado

22 Fevereiro 2014 | 15h 17

O caminhoneiro paulista Diogo Alessandro dos Santos, de 29 anos, foi baleado por traficantes no Complexo da Maré, em Bonsucesso, zona norte do Rio, depois de se perder na Linha Amarela, via expressa que liga as zonas norte e oeste, e entrar acidentalmente na favela Vila do João, no Complexo. Ele foi atingido na barriga e encaminhado para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, zona norte.

Santos foi socorrido pelos moradores da favela e depois levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Maré, de onde foi transferido de ambulância para o hospital. O crime aconteceu na madrugada de quarta-feira, 19.

O caminhoneiro procurava um retorno que o levasse para a pista sentido Barra da Tijuca, zona oeste, da Linha Amarela. Por engano, entrou na Vila do João quando tentava acessar a Linha Vermelha, via expressa que liga a Baixada Fluminense e o Rio. A favela é controlada pelo traficante Marcelo Santos das Dores, conhecido como Menor P. Contra ele há mandados de prisão por tráfico e homicídio.

Na sexta-feira, 21, o delegado responsável pelo caso, Delmir Gouves, da 21ª Delegacia de Polícia (Bonsucesso, zona norte)colheu o depoimento de Santos no hospital. As testemunhas já foram intimadas a depor.