Cartas

Onde obter mudas de pinha e cabaça Planto sempre as sementes de pinha (fruta-do-conde), mas não consigo mudas e nem fazer com que cheguem a nascer. Gostaria de saber onde posso conseguir mudas já prontas. Gostaria também de obter mudas de goiaba e de cabaça. Aparecido Cido aparecido_cido@hotmail.com Mudas de fruta-do-conde e de goiaba o leitor encontra em um dos Núcleos de Produção de Sementes e Mudas da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati), da Secretaria de Agricultura paulista. A muda de fruta-do-conde custa entre R$ 2 e R$ 12, conforme seu porte e a quantidade adquirida. O preço da muda de goiaba varia de R$ 2 a R$ 8, também conforme tamanho e quantidade. No site www.cati.sp.gov.br, link Venda de mudas, há mais informações, incluindo dicas de plantio - instalação do pomar, adubação verde, covas ou sulcos e plantio de mudas. Cati, tel. (0--19) 3743-3831. Quanto à cabaça, o fruticultor Helton Josué Teodoro Muniz, de Campina do Monte Alegre (SP), que possui uma das maiores coleções de frutas nativas e exóticas do País, possui mudas para vender. A muda com 10 centímetros custa R$ 15. A cabaça, explica Muniz, também chamada de cuitê ou cuité, é uma árvore que produz frutos redondos, do tamanho de uma bola de basquete. Os frutos, quando maduros, não são comestíveis, pois ficam com a polpa preta e de cheiro desagradável. Verdes, os frutos são cozidos e consumidos da mesma maneira que se consome chuchu e abobrinha cozidas. "Cozida, é um prato típico do México, que é o país de origem da cabaça", diz o fruticultor. Informações, tel. (0--15) 8132-5140 ou www.colecionandofrutas.org. Leitor quer produto que preserva madeira Tenho um sítio em Cotia (SP) e sempre utilizei um produto chamado carbolíneo para preservar cercas, gradis e estruturas de madeira. Faz já algum tempo que não encontro o produto no comércio. O que houve? Existem sucedâneos com a mesma eficácia? Roberto Renato Scheliga r_scheliga@yahoo.com.br O gerente-comercial de uma empresa do ramo de preservação de madeiras, Humberto Tufolo Netto, explica que os preservativos para madeira são regulamentados pelo Ibama e o carbolineum tem seu uso restrito às usinas de preservação de madeira (UPM) para aplicação por meio de processo industrial, que oferece maior segurança ambiental. "Há várias UPMs habilitadas para oferecer ao consumidor final madeira de reflorestamento tratada em autoclave, com alta durabilidade, mesmo em condições agressivas de uso como mourões, cercas e outras construções rurais", afirma. Membro da diretoria da Associação Brasileira de Preservadores de Madeira (ABPM), Flávio Carlos Geraldo informa que o carbolineum, que consiste em uma fração do alcatrão de hulha, líquido escuro e viscoso, já foi muito utilizado na preservação de madeira, por meio de métodos caseiros, quando as técnicas industriais de tratamento não eram tão difundidas. Normalmente, diz Geraldo, o produto, também chamado de óleo de antraceno, era aplicado por pincelamento ou imersão simples, mas tinha limitada capacidade penetração por causa de sua alta viscosidade. Hoje, porém, em atendimento à legislação e por questões de segurança do homem e do ambiente, a recomendação é a de que sejam utilizados mourões de madeira já tratados. "O leitor deve adquirir madeira já tratada em autoclave, pelo processo de vácuo-pressão, de acordo com a norma NBR 9480, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT)", explica Geraldo. Segundo o diretor da ABPM, existem várias usinas de preservação de madeira distribuídas pelas Regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste, com bastante opções de custos e fretes. "Além das questões relacionadas à segurança e ao que determina a lei, o tratamento por pincelamento, pulverização ou imersão não proporciona penetração adequada e, conseqüentemente, compromete a durabilidade das peças." No site www.abpm.com.br o leitor pode consultar, de acordo com a localização geográfica, fornecedores de mourões tratados conforme a legislação. Longan é fruta parecida com lichia Gostaria de saber onde encontrar mudas de longan. É uma fruta de origem chinesa, parecida com a lichia, mas de tamanho menor. Tenho procurado por alguma indicação, sem sucesso, porém. Heloisa Ulson São Paulo (SP) A leitora encontra mudas de longan, ou longana (Euphoria longana), no viveiro da Fazenda Citra, da Dierberger Plantas, em Limeira (SP). A muda com 40 centímetros custa R$ 5 e a muda enxertada, cujo porte é de 50 centímetros, sai por R$ 10. A Dierberger Plantas fica na Rodovia SP 147 (Limeira-Piracicaba), km 117. Informações podem ser obtidas pelo telefone (0--19) 3451-1221 ou também no site www.fazendacitra.com.br.

O Estado de S.Paulo

17 Dezembro 2008 | 02h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.