Chips RFID chegam às lambretas

Os chips de rádio-frequência que devem substituir as etiquetas de códigos de barras, também conhecidas pela sigla RFID, devem equipar em breve as peças que montam lambretas da Honda Italia Industriale, uma subsidiária da Honda. A empresa, que fabricou mais de 12 milhões de scooters no ano passado, terá partes rastreadas por chips RFID, que serão monitoradas por um software desenvolvido pela IBM, possibilitando mais agilidade no controle de estoques e na reposição de peças.

Agencia Estado,

10 Janeiro 2007 | 15h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.