Difícil também em Bordeaux

A um mês das degustações en primeurs de Bordeaux, o desânimo é grande entre os produtores. A safra 2013 foi uma das mais difíceis da história e sofreu com chuvas e inundações.

O Estado de S.Paulo

27 Fevereiro 2014 | 02h12

Os châteaux Le Pin e Vieux Certan, de Pomerol, decidiram não apresentar seus vinhos en primeur e o Château Malescasse, de Haut-Médoc, desclassificou toda sua produção em 2013.

Para complicar, ainda existem garrafas das safras 2011 e 2012 para serem vendidas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.