Escritor Bartolomeu Campos de Queirós morre em Minas

Morreu na madrugada de hoje, em Belo Horizonte, o escritor Bartolomeu Campos de Queirós, de 66 anos. Ele estava internado no Hospital Felício Rocho, na região centro-sul da cidade, segundo informações do hospital.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agência Estado

16 Janeiro 2012 | 08h54

Autor de poemas e histórias infantis e juvenis, educador, crítico de arte, museógrafo e ensaísta, seu primeiro livro, "O peixe e o pássaro", foi publicado em 1974. Em maio do ano passado, o escritor lançou Vermelho Amargo, que revisita a própria infância.

Mais conteúdo sobre:
Bartolomeu escritor morte

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.