Espanha em Miami: dois locais imperdíveis para apreciar um bom prato hispânico

Aberto há poucos meses, o mais novo e autêntico restaurante espanhol em Miami é perfeito. E o nome corresponde: Gastrobar Perfecto. Primeiro empreendimento do renomado chef espanhol Oscar Manresa nos Estados Unidos, faz sucesso no coração latino da América do Norte porque tem ambiente descontraído e elegante, serviço simpático e agradável, e - sobretudo - comida impecável.

Chris Delboni, com Liliana Pinelli

25 Julho 2014 | 12h35

Localizado no centro financeiro da cidade, na região da Brickell, o restaurante, apesar de amplo (tem dois andares, uma cozinha aberta e bonito bar), é aconchegante com suas mesas de madeira rústica, sem toalha e bem distribuídas. A música, apesar de ser um pouco alta, completa o ambiente charmoso e que faz jus ao espírito festivo de Barcelona.

Dado o cenário, chega a hora de avançar na questão 'paladar/bolso'. O cardápio executivo de almoço, por US$ 19,90, muda semanalmente, mas é imbatível. A base é sempre a mesma. Tem duas entradas para escolher: sopa do dia ou gazpacho e salada ou "tapa", como "croquetas de pollo" ou croquetes de frango (um dos aperitivos que são carro-chefe da casa).  Entre os pratos principais, há normalmente escolhas como salmão, carne, bacalhau ou frango. Para finalizar, sobremesa ou café.

Para quem prefere o cardápio normal ou várias tapas para compartilhar, as alternativas são as mais diversas, todas boas. Algumas sugestões: Calamares à la Andaluza (que são lulas fritas), tartar de atum, canelone de abacate e caranguejo com gengibre, e um dos favoritos, o pulpo perfecto (polvo grelhado num leito de uma rodela de batata, entre tantas outras "tapas").  Os preços variam de US$ 8 a US$18.

Os pratos principais incluem peixe na brasa (US$28), salmão recheado com bacon e queijo gorgonzola (US$26), carré de cordeiro (U$32) e, não poderia faltar, a paella tradicional, além de um dos favoritos da casa: arroz negro e paella com tinta preta da lula (US$39).  Os ovos também são famosos, do ovo frito com foie gras (US$26) a ovos mexidos com camarão, cebolinha e cogumelo selvagem (US$16). De sobremesa vale a pena provar o ganache de chocolate.

A carta de vinhos não é extensa, mas tem opções para todos os gostos - principalmente para o apreciador dos espanhóis - e, o melhor, os preços são justos.  O vinho mais caro é um Vega Sicilia 5º Año Valbuena 2002, por US$295. No cardápio executivo do almoço, as taças custam, em média, US$8.

Durante o "happy hour", de segunda a sexta, das 16h às 20h, a casa oferece bebidas - dois por um e tapas por preços especiais. Além destas ofertas, nas quintas-feiras, a partir das 18h, há o "ladies night", com champanhe à vontade (e de graça!) para as mulheres.

Bon Appétit!

Dica:

Quem aprecia a gastronomia espanhola deve conhecer numa próxima visita a Miami o Delícias de España, uma loja e armazém espanhol contendo vários produtos típicos e um restaurante simples, mas com um cardápio variado com tudo do melhor.  O casal Ernesto Llerandi e Isabel Miranda, de Astúrias, na Espanha, abriu o estabelecimento em 1997 com duas mesas e algumas mercadorias espanholas.  Mas logo ganhou fama pela comida gostosa e caseira de dona Isabel, e hoje tem três endereços no sul da Flórida, para o encanto dos clientes, entre eles, muitos brasileiros.  

Sugestões: Azeites, vários tipos de queijos e presunto espanhóis, conservas como boquerones ou filet branco de anchova, entre muitas outras iguarias e vinhos variados. 

Serviço:

Gastrobar Perfecto - Miami - Barcelona

Endereço: 1450 Brickell Ave, Miami, Florida 33131

Telefone: (305) 372-0620

Funcionamento: Segunda a sábado - 12h - 24h. Fechado aos domingos

Estacionamento: Manobrista

Para mais informações: http://perfectomiami.com 

Delicias de España

Endereço: 4016 SW 57th Ave., Miami, Florida 33155

Funcionamento: Segunda-Quarta: 7h - 21h; quinta-sábado: 7h - 22h; domingo - 7h - 16h

Telefones: (305) 669 4485, (305) 661 9610

Para mais informações e outros endereços, visite: http://www.deliciasdeespana.com

Mais conteúdo sobre:
Direto de Miami Chris Delboni

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.