Gato sobrevive a viagem de três semanas pelo Pacífico

Preso numa caixa, o animal resistiu à travessia sem água ou comida

Agencia Estado

06 Julho 2007 | 16h19

Um gato dado como perdido pelos donos passou quase três semanas cruzando o Oceano Pacífico em um contêiner de carga sem água nem comida, e parece estar se sentindo razoavelmente bem. A viagem teve início quando Pamela Escamilla, de 39 anos, perdeu seu gato de três anos, Spice, enquanto preparava uma grande caixa com móveis e outros objetos da casa para despachar a partir do Havaí. A caixa foi embarcada em 15 de junho, com destino á Califórnia. Pamela e o marido não conseguiram achar o gato antes de tomar o avião, e pediram aos vizinhos que alimentassem Spice, caso o gato voltasse. O gato passou 18 dias na caixa escura, sem água ou comida, enquanto a carga percorria o oceano a bordo de um navio, e até chegar à casa dos pais da dona, na terça-feira, 3. Quando abriu a caixa, Pamela viu pêlos de gato. Ela entrou na embalagem para procurar. "Vi Spice pôr a cabeça para fora, detrás de umas bicicletas, e comecei a gritar", disse ela. O gato já fez uma visita ao veterinário, que disse que os rins do animal encolheram, mas o prognóstico é bom.

Mais conteúdo sobre:
gato havaí califórnia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.