1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Horário de verão terminou neste sábado; acerte os ponteiros

- Atualizado: 21 Fevereiro 2016 | 10h 48

Os relógios devem ser atrasados em uma hora no Distrito Federal e em 10 Estados; economia gerada foi de R$ 162 milhões

O horário de verão terminou no Brasil à meia-noite da passagem deste sábado, 20, para domingo, 21. Por isso, os relógios devem ser atrasados em uma hora no Distrito Federal e em 10 Estados.

A medida teve início no dia 18 de outubro de 2015. Pela legislação, prevista no decreto nº 6.558/2008, o horário de verão vigora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

Com o fim da medida, relógios devem ser atrasados em uma hora. 

Com o fim da medida, relógios devem ser atrasados em uma hora. 

Tiveram mudança de horário os Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal.

O decreto fixa a duração de quatro meses, da 0 hora do terceiro domingo do mês de outubro de cada ano à 0 hora do terceiro domingo de fevereiro do ano seguinte, em parte do País.

Economia. O Operador Nacional do Sistema (ONS) anunciou nesta sexta-feira, 19, que a economia gerada foi de R$ 162 milhões. A previsão, em outubro, porém, era de reduzir R$240 milhões em gastos. Em nota, o órgão também apontou que a mudança diminuiu a demanda de investimento. "Do ponto de vista estrutural, a continuidade da aplicação do Horário de Verão representa custo evitado de investimento no sistema elétrico de R$7,7 bilhões que seriam necessários caso não utilizássemos essa medida."

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em GeralX