Instituição diz que alunos 'não estão dispensados' às 6ªs

A Anhanguera afirmou, em nota, que todas as instituições de ensino que integram o grupo atendem às exigências da legislação educacional e dos instrumentos de avaliação do MEC.

O Estado de S.Paulo

23 Abril 2012 | 03h03

Disse que às sextas-feiras os alunos são orientados a fazer atividades complementares. "Podem ser atividades de complementação de elaboração do trabalho de conclusão de curso, ou realização de um estudo de caso que, conforme o tema, pode ser realizado em sala de aula ou em outros locais do câmpus."

Segundo a instituição, as atividades são "constantemente supervisionadas por professores de cada disciplina, que permanecem no câmpus para orientar e esclarecer dúvidas". "Os alunos não estão dispensados de permanecer na instituição às sextas-feiras."

Ainda de acordo com o texto, nas aulas de educação a distância os estudantes contam com a orientação de professores de EaD, tutores presenciais e a distância "que atuam na interação e no esclarecimento de dúvidas ao vivo por meio de chats".

Sobre as queixas dos alunos de Educação Física, a Anhanguera disse que já mapeou os problemas de infraestrutura do câmpus Maria Cândida e "vem trabalhando em um projeto de reforma e manutenção da unidade". A quadra deverá ser reaberta em maio, informa a nota. / C.L.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.