Interior tem boom de shoppings de luxo

O interior de São Paulo assiste a um boom de shoppings de luxo. Dos 12 centros de compra inaugurados no Estado neste ano - a maior parte voltada ao público das classes A e B -, nove estão fora da capital, em cidades como Jundiaí, Limeira, Sorocaba, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto. E, para 2013, a tendência continua de alta - nove dos 14 shoppings previstos ficam fora da região metropolitana.

AE, Agência Estado

16 Dezembro 2012 | 07h29

Com 1,1 milhão de habitantes, Campinas é um exemplo de mercado premium em expansão. Atento ao cliente de alta renda, o Shopping Iguatemi da cidade vai inaugurar em março teatro para grandes espetáculos e musicais.

"Falta um espaço para peças com padrão São Paulo em Campinas. A região toda tem a cidade como referência e não acredito que falte público para grandes espetáculos", diz a arquiteta Fernanda Junqueira, de 28 anos.

Para atender clientes como Fernanda, o Iguatemi está em expansão. Aberto em 1980, vai ganhar em 2014 um prédio com três andares de lojas e dois de estacionamento no subsolo.

Para a executiva Paula Fonseca, de 34 anos, frequentadora assídua do Iguatemi, há demanda nas grandes cidades do interior para consumo de produtos que ainda são exclusivos das capitais. "Não vou deixar de ir para São Paulo fazer compras, mas, se tiver marcas que gosto perto de casa, vou preferir", diz.

O Galleria Shopping, em Campinas, também vai crescer. Com um investimento de R$ 30 milhões, o centro de compras ganhou um prédio com lojas como Le Lis Blanc Deux com Noir, Camila Klein, Schutz, Bo.Bô, Anna Pegova e Livraria da Vila. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre:
shoppings de luxo Campinas interior

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.