Microsoft diz que Vista dobra vendas em relação ao XP

A Microsoft informou na quarta-feira que espera vender duas vezes mais cópias do Windows Vista no primeiro ano após o lançamento do produto em relação ao seu sistema operacional anterior, o Windows XP, lançado em 2001. O crescimento será em grande parte em linha com o desempenho do mercado mundial de computadores pessoais, cujas previsões também apontam vendas duas vezes maiores entre 2001 e 2007. "Estamos prevendo um crescimento nas vendas unitárias (do Vista) duas vezes maior que as do Windows XP", disse Alex Huang, diretor regional de vendas da Microsoft na China, à Reuters na cerimônia de lançamento do novo programa em Taiwan. Ele acrescentou que a Microsoft também quer vender cerca de cinco vezes mais cópias do Vista na comparação com o Windows 95. As vendas de PCs no mundo este ano devem chegar a 255 milhões de unidades, quase o dobro das 136 milhões de máquinas comercializadas em 2001, segundo a empresa de pesquisa IDC. As vendas em 1995, ano de lançamento do Windows 95, somaram 59,7 milhões de unidades. A Microsoft considera o Vista como o lançamento mais importante do sistema operacional desde o Windows 95. A empresa lançou o novo produto em 70 países na terça-feira, após vários adiamentos. Analistas, porém, afirmam que ainda levará tempo para que os efeitos do Vista sejam percebidos no mercado.

Agencia Estado,

31 Janeiro 2007 | 15h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.