Microsoft e Sandisk juntas para criar XP para pendrives

À boca pequena, diz-se que a Microsoft iniciou o desenvolvimento de um Windows XP capaz de rodar de pendrives. O sistema, que ocupa no mínimo 1,5 GB do espaço em HD dos desktops, deverá vir sobre um gerenciador de aplicativos portáteis batizado de StartKey. Ele garantirá a portabilidade do XP e das preferências no Windows Live. O StartKey deverá substituir o U3 – embarcado em séries especiais dos pendrives da Sandisk. O anúncio oficial da parceria entre a empresa de Redmond e a de Milpitas foi feito no começo de maio, mas detalhes não foram revelados. Contudo, na última semana, cresceu o burburinho na blogosfera e até uma suposta imagem – mais com cara de spoof – do pendrive turbinado circulou. Procurada pelo Link, a Microsoft foi lacônica. "Como previamente anunciado, a Microsoft e a Sandisk estão trabalhando para desenvolver uma nova geração de soluções de software e hardware que possibilitará o uso de aplicativos e a customização de um drive flash USB. No momento, não possuímos detalhes adicionais para compartilhar", encerrou Carlos Ferreira, diretor de novas tecnologias e inovação da Microsoft Brasil. "O StartKey é uma boa iniciativa, mas infelizmente será fechado e rodará só em dispositivos USB especiais, a exemplo do U3", comenta Matteo Salvi, desenvolvedor do pacote open-source ASuite. Mas a gigante fundada por Bill Gates já está atrasada. O sistema operacional de código aberto Linux têm tanto versões leves o suficiente para rodarem de um pendrive como opções exclusivamente desenhadas para esse fim. Para quem não tem muita intimidade com o pinguim, é uma boa forma de conhecer o sistema operacional sem precisar instalá-lo no PC. Para iniciantes, o melhor é baixar a versão portátil, que não requer alterações na BIOS do computador para ordenar o boot pela porta USB. Depois de baixar o Pendrive Linux, basta extrair os arquivos do .zip para seu acessório. Aí é hora de clicar em qemu.bat para permitir a abertura do Linux de dentro do Windows instalado no PC. J.R.

04 Agosto 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.