MySpace bloqueará criminosos sexuais

O site de relacionamentos MySpace, que pertence à News Corp, anunciou que adotará um sistema para identificar e bloquear o acesso de criminosos condenados por abusos sexuais ao serviço. A medida tem por objetivo evitar o assédio ao público jovem, composto por jovens e adolescentes que freqüentam o site. A tecnologia utilizada é a da empresa Sentinel Tech, que cruzará dados de usuários do MySpace com um banco de dados de pessoas com antecedentes criminais em crimes sexuais. De acordo com o MySpace, existem 550 mil registros de pessoas condenadas por abusos sexuais nos EUA.

Agencia Estado,

06 Dezembro 2006 | 11h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.