Nasa desmente na internet o fim do mundo

A agência espacial dos Estados Unidos (Nasa) realizou anteontem uma conferência online, com a participação de vários cientistas, para desmentir que o mundo acabaria no dia 21, um boato com várias origens - uma delas o calendário maia, que terminaria nesta data.

O Estado de S.Paulo

01 Dezembro 2012 | 02h02

A atitude foi motivada pelo recebimento de correspondência inquirindo sobre a possibilidade de o mundo acabar, em especial de crianças e jovens. "Em particular, estou preocupado com crianças que me escrevem dizendo que estão com medo, que não conseguem dormir, não conseguem comer. Algumas dizem que estão até pensando em suicídio" afirmou o astrobiólogo David Morrison, do Centro de Pesquisa Ames, da Nasa.

A agência também publicou textos em seu site, tranquilizando os internautas. "O mundo não vai acabar em 2012. Nosso planeta tem passado bem por mais de 4 bilhões de anos e cientistas renomados não veem ameaça nenhuma", diz um deles.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.