No computador, game roda bem

Uma das principais vantagens de se rodar Lost Planet: Colonies no PC é a qualidade visual. A versão para computador do jogo foi feita para tirar proveito do Direct X 10, o conjunto de instruções que tratam de tarefas relacionadas a programação de jogos para o Windows. Sem o Direct X, os jogos não conseguiriam acessar o poder do hardware e rodar com máxima eficiência. Uma série de efeitos gráficos que não foram vistos no Xbox 360, como texturização complexa e distorção da neve em tempo real nas pegadas dos personagens. Até mesmo roupas, carapaças e aparelhos ganharam um visual muito mais detalhado. Como é bastante elaborado visualmente, Lost Planet: Colonies é um bom teste para a capacidade gráfica de um computador. Para rodar o jogo, usamos um PC equipado com um Phenom X3, com 2 GB de RAM e uma placa de vídeo Radeon HD 4850. Nessa configuração, foi possível rodar o jogo em uma resolução alta (1.920x1.440), com todos os efeitos ligados, inclusive a suavização de serrilhados (denominada AA, ou anti alias) e rodar o jogo com mais fluidez com que o Xbox 360. Com a suavização ligada, o jogo parecia uma animação digital, tal o realismo que atingiu. Controlar o jogo usando a clássica combinação teclado/mouse é muito mais difícil que nos consoles. Para resolver o problema, basta usar um controle que conte com duas alavancas analógicas e vários botões. Existem no mercado vários controles do tipo, que custam de R$ 50 a R$ 140. Se você possui um controle com fio do Xbox 360, também pode usá-lo, pois o Windows XP e o Vista são compatíveis com o acessório. A configuração é muito simples, pois o próprio jogo já traz os botões pré-configurados. A principal vantagem em rodar Lost Planet: Colonies no computador é a possibilidade de jogar partidas multiplayer pela internet com jogadores do PC e do Xbox 360. As versões são integradas. Para isso acontecer, basta cadastrar-se no serviço Live da Microsoft. É mais ou menos como o Messenger, mas orientado a jogos. Você cadastra sua conta – pode ser a mesma utilizada no Messenger – e o sistema se encarrega de encontrar jogadores disponíveis no seu grau de habilidade, exatamente como no Xbox 360.

Jocelyn Auricchio,

04 Agosto 2008 | 00h00

Mais conteúdo sobre:
games

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.