Oi estréia serviço de pagamentos móveis

A Oi aproveitou o evento Fashion Rio para apresentar um novo produto que permite ao cliente fazer compras via telefone móvel da operadora. O Oi Paggo terá estande exclusivo para demonstração do serviço, que acaba de chegar no Rio de Janeiro. Clientes da operadora que tiverem interesse em aderir ao produto, poderão se cadastrar no local. E os demais visitantes do evento, poderão ver demonstrações ao vivo. ?O Oi Paggo veio revolucionar as tradicionais formas de consumo, pois oferece uma nova forma de comprar com segurança e total mobilidade?, afirma Leonardo Caetano, executivo da área de M-Payment da Oi. O Oi Paggo é um produto pioneiro no país, que permite ao cliente fazer compras via aparelho móvel da Oi na rede de lojistas credenciados pela Paggo. Através de SMS (mensagens de texto), o lojista e o cliente podem realizar as transações de compra e venda sem a necessidade do tradicional terminal, que transmite as informações do cartão de crédito. A transferência dos dados dura poucos instantes, e é operacionalizada entre o Oi do cliente e o do estabelecimento. Funcionamento O novo produto apresenta vantagens para os lojistas, que pagam uma comissão menor sobre as vendas em relação a que é praticada atualmente no mercado. Já os clientes não precisam pagar anuidade, apenas taxa de extrato nos meses em que utilizar o produto em compras, sendo que a Paggo é responsável pela administração de crédito dos usuários e definição de limite para as compras. Para utilizar o produto, o aparelho Oi do lojista tem que estar programado para iniciar a transação com a Paggo, informando o valor da compra e o Oi do portador. A mensagem é processada na Paggo e enviado o valor para o cliente com os dados da compra para confirmação com a senha pré-cadastrada na adesão do produto. Automaticamente, o lojista e o cliente recebem mensagem que comprova a realização da compra. Para fazer parte da rede credenciada, o estabelecimento deve se cadastrar na central de atendimento da Paggo. Para se tornar um usuário do Oi Paggo, o cliente deve se cadastrar pela central de atendimento da operadora. Para tanto, é necessário enviar cópias da carteira de identidade, CPF e comprovante de renda. Os documentos são submetidos à análise de crédito que estabelece o limite concedido para que o cliente possa começar a realizar suas compras. A adesão ao Oi Paggo, não restringirá o perfil do cliente Oi, podendo ser pré ou pós-pago. O usuário recebe a fatura do produto sem vínculo nenhum com a conta de telefone móvel ou fixo, sem anuidade. O cliente pagará apenas R$2,50 referentes à emissão da fatura, somente nos meses em que utilizar o serviço. O Oi Paggo foi lançado como projeto piloto em Natal e Uberlândia, em 2006, onde credenciou 450 estabelecimentos, 12 mil usuários e registrou uma média de 80 transações por dia. A expectativa da companhia é que o produto chegue em todos os estados da área de cobertura da Oi, até o final de 2007.

Agencia Estado,

17 Janeiro 2007 | 17h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.