1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine

Pérez se desculpa por piada machista sobre mulheres ao volante

REUTERS

05 Julho 2014 | 12h 21

O piloto mexicano Sergio Pérez pediu desculpas à piloto de teste da Williams, Susie Wolff, depois de uma brincadeira sobre as mulheres ter surtido um efeito indesejado.

Wolff, que no treinamento de sexta-feira para o Grande Prêmio da Inglaterra conduziu a Williams e se tornou a primeira mulher em 22 anos a participar de um fim de semana de corrida na Fórmula 1, deixou claro que não tinha rancor de Pérez.

Em uma entrevista para um veículo de comunicação espanhol, Pérez disse que Wolff é uma grande piloto, mas depois brincou, dizendo que não gostaria de ser superado por uma mulher e que elas ficariam melhor na cozinha.

As declarações inflamaram as redes sociais, e Pérez depois se desculpou com uma mensagem no Instagram, pedindo perdão “de todo o coração” às mulheres e a Wolff. “Nunca foi minha intenção ofender ninguém”, afirmou.

O mexicano também explicou para os seus seguidores no Twitter que “nunca falei mal de Susie! Pelo contrário: tenho uma boa relação com ela e a admiro por estar aqui”.

Wolff, uma experiente piloto e mulher do diretor esportivo da Mercedes, Toto, defendeu o colega da Force India.

“Vi alguns comentários feitos pelo @SChecoPerez enquanto cozinhava meu jantar ontem à noite... Por favor, deem uma trégua a ele”, afirmou a piloto no Twitter.

“Seus comentários estão completamente fora de contexto. De qualquer forma, como diria a minha família, eu piloto melhor do que cozinho”, concluiu.