Se cansou do pastel de bacalhau, prove ostras

Peixaria no Mercadão serve ostras e mexilhões fresquinhos, no balcão

27 Agosto 2009 | 11h44

Quer dar um tempo no superestimado pastel de bacalhau e no pantagruélico sanduíche de mortadela do Mercadão? Experimente pôr ostras no cardápio da sua próxima visita. Desde que não se incomode em saboreá-las no balcão da peixaria, e em pé, nada poderia ser mais agradável. LIMÃO OU MOLHINHO - Ostras vêm de Santa Catarina e Cananeia A banca Ki-Peixe vende os moluscos abertos, para serem comidos ali mesmo, com limão ou com um pouco do molhinho da casa, feito à base de tomate, salsinha e azeite. A ostra aberta custa R$ 2. Para viagem, paga-se R$ 1,50 a unidade. Elas chegam sempre às terças, sextas e sábados, vindas de Santa Catarina e Cananeia. Durante a semana dá para aproveitar o programa com mais tranquilidade, sem ter de se importar se vão acabar rapidamente (aos sábados, desaparecem em questão de minutos). Nos dias úteis você vai ter a chance de provar também os "pratos" da casa: a peixaria serve, a pedidos dos clientes mais antigos, mexilhões fresquíssimos com azeite e temperos (R$ 15, a porção). Eles são preparados em micro-ondas, mas quando estiver na segunda conchinha você nem vai se lembrar do método de cocção. O mesmo acontece com os suculentos e tenros camarões "para solteiro". Frescos, são tirados da vitrine só na hora de temperar e chegam ao balcão cozidos (também em microondas) macios e perfumados ( a porção de 500 g custa R$ 69). Na próxima ida ao Mercadão ponha em prática o título do livro clássico da escritora americana M.F.K.Fisher Considere as Ostras... C.B. Ki-Peixe – R. da Cantareira, 306, Box, 08/02, 3312-0066

Mais conteúdo sobre:
Paladar Mercad&atilde o pastel Ki-Peixe

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.