Suécia terá versão virtual em Second Life

A mais nova presença no mundo virtual de Second Life, game que simula um mundo virtual em 3D, é a de um país, a Suécia, que está criando uma "embaixada" dentro do popular game online para atrair a atenção do público jovem que freqüenta a internet e, mais especificamente, o ambiente do jogo. A agência proverá aos avatares (nome dado às personificações dos jogadores) dentro do Second Life informações sobre a cultura e história da Suécia, além de dicas turísticas, segundo informou o diretor do Instituto Sueco, Olle Wastberg. O edifício 3D será uma reprodução em bits da embaixada da Suécia em Washington, nos EUA. O Instituto Sueco é um braço do Ministério do Exterior daquele país e tem como função promover a Suécia internacionalmente.

Agencia Estado,

29 Janeiro 2007 | 09h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.