Tornado é registrado no RJ e assusta população

Para espanto da população - e também de meteorologistas -, um tornado de baixa intensidade foi registrado em Nova Iguaçu (RJ), no início da noite de ontem. Visível a quilômetros dali, na zona oeste do Rio, o vento forte destelhou casas, arrancou janelas e árvores pela raiz, derrubou portões e postes e até o muro de uma casa. Mas não provocou ferimentos graves nos moradores, que, atônitos, fotografaram e filmaram o fenômeno raro.

ROBERTA PENNAFORT, Agência Estado

20 Janeiro 2011 | 17h52

Sete bairros sentiram, durante cerca de vinte minutos, os efeitos do "tornado fraquinho" que passou pela cidade por volta das 18h30. A classificação é do meteorologista Lucio de Souza, do Instituto Nacional de Meteorologia. Como outros colegas, ele desconfiou de exagero quando soube da notícia. Mas não teve dúvidas ao ver as nuvens em formato de cone nos vídeos colocados no site Youtube.

"Eu não estava acreditando, mas a nuvem em forma de funil não deixa dúvida. Como ocorreu num lugar apenas, não foi sentido em nenhuma estação meteorológica. Não foi registrado qualquer vento nem chuva que pudesse se associar a este tornado", explicou Souza, cujo palpite é de que a velocidade tenha ficado entre 80 km/h e 90 km/h. "Mas a gente não mediu nada".

Os moradores olhavam para o céu e, traumatizados com as imagens da destruição causada pelas chuvas, temeram pelo pior. Algumas correram, assustadas. Outras se trancaram em casa. Ruas ficaram sem energia elétrica.

Mais conteúdo sobre:
tornado população Nova Iguaçu

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.