1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine


Ucrânia afeta confiança e ações na Ásia rondam estabilidade

SHINICHI SAOSHIRO - REUTERS

18 Agosto 2014 | 07h 56

As ações asiáticas mostraram fraqueza nesta segunda-feira, uma vez que uma nova onda de tensão no conflito ucraniano afetou a confiança do investidor.

Às 7h33 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão tinha variação positiva de 0,05 por cento. O índice havia avançando 2,5 por cento na semana passada, maior alta semanal em quase cinco meses.

O índice japonês Nikkei fechou com ganho de apenas 0,03 por cento.

Notícias no final de sexta-feira de que forças ucranianas disseram ter destruído uma coluna militar russa no território ucraniano inicialmente afetaram Wall Street, derrubaram rendimentos de títulos do governo e impulsionaram moedas seguras como o iene e o franco suíço.

Com o conflito alcançando uma fase crítica no fim de semana --Kiev e governos ocidentais estão observando nervosamente se a Rússia vai intervir em suporte aos rebeldes no leste da Ucrânia --o apetite por risco enfraqueceu.

"Um sentimento de complacência estava voltando à psicologia do investidor na semana passada com uma sensação geral de que talvez as quedas no início do mês eram exageradas", disse o analista de mercado do CMC Markets Jasper Lawler em nota a clientes.

"O encontro na Ucrânia foi uma forte lembrança que a geopolítica não pode ser ignorada", completou ele.