Um bandejão repleto de estrelas Michelin

Gourmets pagaram até US$ 10 mil, em Nova York, para passar três horas e meia degustando as criações de grandes mestres da nouvelle cuisine e contemporâneos como Bocuse, Troisgros, Guérard, Gagnaire, Lenôtre, Vergé, entre outros, que foram executadas por outros grandes nomes atuais como Daniel Boulud, Claude Troisgros, Laurent Tourandel, David Bouley, Jean-Georges Vongerichten, em meio a 32 chefs. Chamado de Crème de la Crème, o evento beneficente tinha clima formal, mas não havia mesas ou guardanapo de pano: todos os convidados recebiam uma bandeja que servia de apoio às pequenas porções oferecidas nos estandes dos chefs - os quais não economizaram em ingredientes refinados como caviar, pato, foie gras e trufa. Três gerações de Troisgros foram destaque: a receita de Pierre, o famoso salmon a l''oseille, foi executada por Claude com a ajuda do filho Thomas. prato que notabilizou o estabelecimento da família em Roanne. Assumindo a influência brasileira, Claude acrescentou um caviar de tapioca para acompanhar.

Michelle Alves de Lima, O Estado de S.Paulo

26 Junho 2008 | 03h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.