Vendas pela internet sustentam 25 mil latino-americanos

Mais de 25 mil pessoas na América Latina obtêm toda ou a maior parte de sua renda por vendas realizadas através da internet, informou nesta sexta-feira, 26, o site de leilões Mercado Livre. Ao longo de 2006 foram feitas mais de 13,8 milhões de transações através do site "Mercado Livre", movimentando US$ 1,1 bilhão, sem incluir as categorias de imóveis, serviços, carros, motos e outros, disse um comunicado da empresa. Líder no setor na América Latina e contando com uma participação acionária do site multinacional eBay, o Mercado Livre ampliou seu mercado de trabalho de nove para 12 países, incorporando Panamá, Costa Rica e República Dominicana, embora nestes países só opere o site, sem presença de escritórios locais. Em 2006 a comunidade de usuários superou os 18 milhões de internautas latino-americanos. Francisco Ceballos, diretor da empresa no México, afirmou que o ano passado foi excelente para o comércio eletrônico. Os números da empresa incluem mais de um milhão de artigos à venda, mais de 800 mil compradores e 270 mil vendedores mensais, além de 1,4 milhão de transações por mês.

Agencia Estado,

26 Janeiro 2007 | 10h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.