ir para o conteúdo
 • 

Patrocinado por

Você está em Notícias > Política

Texto é resposta a governador, diz dirigente

09 de janeiro de 2014 | 2h 06
Fernando Gallo e Ricardo Galhardo - O Estado de S.Paulo

Responsável pelas redes sociais do partido na internet, o vice-presidente do PT, Alberto Cantalice, recusou-se a identificar o autor do texto publicado anteontem na página oficial do PT no Facebook com críticas ao governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB). O petista também não quis dizer se endossou a publicação. A redação do texto, afirmou, coube a "uma equipe" e, assim, "não tem um autor específico".

Cantalice afirmou que o texto não é posição oficial do partido. "Nota oficial do PT é quando o PT se reúne, e elabora um documento. Isso (o texto do Facebook) é uma coisa de rede social", disse o vice-presidente.

Indagado se fora consultado antes da publicação do texto e se o lera antes de ser publicado, Cantalice se esquivou. "Você quer botar na minha conta?", perguntou, rindo. O dirigente afirmou que quatro pessoas fazem parte da equipe do PT nas redes sociais, mas se recusou a dizer seus nomes.

Cantalice também disse não concordar com alguns termos "pessoais" da redação - o texto afirma, entre outras coisas, que o avô de Campos, o ex-governador Miguel Arraes, morto em 2005, "faz bem em já não estar entre nós, porque, se ainda estivesse, morreria de desgosto".

"Tem coisa ali que eu não gostei. Tem coisa pessoal. Acho que a crítica tem que ser feita na política", declarou o petista.

O vice-presidente do PT afirmou que o texto foi produzido em resposta às críticas que o governador de Pernambuco vem fazendo ao governo da presidente Dilma Rousseff.

"Todos os dias ele faz críticas ao governo na rede social. A gente era aliado até recentemente. Ele saiu. É um direito. Agora, sai fazendo crítica pesada a um governo que até um dia desses atrás estava apoiando? O pessoal dele nas redes sociais descendo a porrada no governo? Aí a turma lá (do PT no Facebook) colocou um negócio."

Pelo acordo fechado para a composição da nova Executiva do partido, empossada em dezembro, o novo secretário de comunicação, vereador José Américo, ficou responsável pelo site do partido e pelo contato com a imprensa, e Cantalice pelas redes sociais.


Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio

  • Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio
  • Pasadena não foi um bom negócio, diz Graça Foster
  • Candidatos de oposição escolhem São Paulo para sediar campanha



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo