ir para o conteúdo
 • 

Patrocinado por

Você está em Notícias > Política

Estudante confirma ação em favor de asilo para Snowden

17 de dezembro de 2013 | 12h 34
Agência Estado

O Senado e o Ministério das Relações Exteriores estão se mobilizando para que o governo federal conceda asilo político no Brasil ao ex-técnico da CIA Edward Snowden, disse nesta terça-feira, 17, o estudante David Miranda. Miranda é companheiro do jornalista Glenn Greenwald, que revelou em reportagens informações sigilosas, passadas por Snowden, sobre espionagem de governos, empresas e cidadãos feita pela Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos.

"Estamos otimistas. Tenho tido contato com senadores nas últimas três semanas e eles vão se manifestar hoje sobre a carta. Eles podem ajudar a fazer pressão sobre o governo federal. O MRE também dará uma resposta. O Brasil é um país grande e forte o suficiente para enfrentar os EUA. A nossa presidente já levantou a voz. O Brasil, se quiser, pode enviar um avião para fazê-lo", disse Miranda. Snowden está temporariamente na Rússia.

Miranda lidera um abaixo-assinado no site Avaaz por apoio a Snowden (https://secure.avaaz.org/en/stop_prism_global). Já são mais de 1,4 milhão de assinaturas. "Qualquer pessoa que entender o que ele fez, deixando a vida dele inteira para denunciar o que foi feito vai assinar".

Numa carta aberta na qual se dirige ao povo brasileiro, mas não diretamente à presidente Dilma Rousseff, Snowden diz: "Muitos senadores brasileiros pediram minha ajuda com suas investigações sobre suspeita de crimes contra cidadãos brasileiros. Expressei minha disposição de auxiliar, quando isso for apropriado e legal, mas infelizmente o governo dos EUA vem trabalhando muito arduamente para limitar minha capacidade de fazê-lo."

A carta diz ainda: "Até que um país conceda asilo permanente, o governo dos EUA vai continuar a interferir em minha capacidade de falar. (...) Apenas três semanas atrás, o Brasil liderou o Comitê de Direitos Humanos das Nações Unidas para reconhecer, pela primeira vez na história, que a privacidade não para onde a rede digital começa e que a vigilância em massa de inocentes é uma violação aos direitos humanos".



Tópicos: Snowden, Asilo, Brasil, Miranda

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio

  • Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio
  • Pasadena não foi um bom negócio, diz Graça Foster
  • Candidatos de oposição escolhem São Paulo para sediar campanha



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo