ir para o conteúdo
 • 

Patrocinado por

Você está em Notícias > Política

Mensalao

Mesmo preso, Costa Neto terá direito a aposentadoria de R$ 16 mil

O agora ex-deputado renunciou ao mandato pela segunda vez nesta quinta, após ter sua prisão decrecada pelo STF

05 de dezembro de 2013 | 21h 34
Ricardo Della Coletta - Agência Estado

Brasília - Mesmo preso, o ex-deputado federal Valdemar Costa Neto (PR-SP), condenado no processo do mensalão e que renunciou ao mandato nesta quinta-feira, 5, tem direito a uma aposentadoria da Câmara de cerca de R$ 16,8 mil reais mensais.

Mesmo após renúncia, ex-parlamentar terá direito a aposentadoria de R$ 16 mil - Andre Dusek/Estadão
Andre Dusek/Estadão
Mesmo após renúncia, ex-parlamentar terá direito a aposentadoria de R$ 16 mil

O ex-presidente do PL (hoje PR) foi eleito pela primeira vez em 1991 e aposentou-se em 2005, permanecendo nessa condição até 2007, quando foi eleito após sua primeira renúncia. Na ocasião, ele deixou de receber a benefício porque não é permitido acumulá-lo com o subsídio parlamentar. Mas com a nova renúncia, ele volta a ter direito ao benefício.

De acordo com a Diretoria Geral da Câmara, Costa Neto contribuiu tanto com o extinto Instituto de Previdência dos Congressistas (IPC) quanto pelo Plano de Seguridade Social do Congressista. Por ele ter participado do IPC, extinto em 1997, ele tem direito à aposentadoria proporcional.

O Supremo Tribunal Federal determinou nesta quinta-feira prisão de Costa Neto, dos ex-deputados federais Bispo Rodrigues e Pedro Corrêa, e do ex-vice-presidente do Banco Rural Vinícius Samarane. Todos já se apresentaram à Justiça.

Com a publicação da renúncia de Costa Neto, que deve acontecer nesta sexta, a Câmara suspende o pagamento do seu salário e da cota parlamentar. Os funcionários de seu gabinete serão exonerados.






Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Deputado tem mandato suspenso

  • Deputado tem mandato suspenso
  • "Relatório foi omisso", admite Gabrielli
  • Pré-candidato do PV vai ao trabalho de bicicleta



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo