ir para o conteúdo
 • 

Patrocinado por

Você está em Notícias > Política

Mensalao

Perícia médica de Jefferson será realizada na próxima quarta-feira

Delator do mensalão deve se apresentar para realização de exames pela manhã no Rio de Janeiro, ex-deputado pediu para cumprir pena em regime domiciliar

02 de dezembro de 2013 | 15h 59
Felipe Recondo e Adriano Barcelos - O Estado de S. Paulo

Brasília - O ex-presidente do PTB Roberto Jefferson será submetido à perícia médica na próxima quarta-feira, às 8h30, no Hospital do Câncer, no Rio de Janeiro. Jefferson pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para cumprir a pena imposta no julgamento do mensalão em regime domiciliar.

Na sexta-feira, 29, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, determinou que uma junta médica de ao menos três oncologistas indicados pelo diretor do Instituto Nacional de Câncer (Inca), fosse formada em 24 horas para realizar a perícia médica no ex-deputado. Barbosa procura embasamento para definir o regime de prisão do ex-deputado, que enfrentou um câncer no pâncreas e passou por cirurgia para retirada de um tumor em 28 de julho do ano passado.

Jefferson alega que precisa de cuidados médicos especiais em razão de um câncer de pâncreas. No ano passado, ele foi submetido a uma cirurgia e ainda está passando por tratamento contra a doença. Conforme a intimação, Jefferson deve apresentar exames pré e pós operatórios, laudo histopatológico, relatório médico do ato cirúrgico, além de outros exames relacionados ao tratamento.

Barbosa decidirá se Jefferson pode ou não cumprir pena domiciliar somente depois do resultado desse laudo.

Espera. Há duas semanas, Jefferson está descansando na residência da família em Levy Gasparian (RJ), cidade na divisa do Estado do Rio com Minas Gerais. Ele aguarda a expedição do mandado de prisão, já que sua defesa não apresentou novos recursos contra a condenação no Supremo. A partir do envio do laudo da perícia para Barbosa, ele poderá iniciar o cumprimento da pena.






Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio

  • Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio
  • Pasadena não foi um bom negócio, diz Graça Foster
  • Candidatos de oposição escolhem São Paulo para sediar campanha



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo