ir para o conteúdo
 • 

Patrocinado por

Você está em Notícias > Política

'Pessoa extraordinária', diz Lula sobre Mandela.

05 de dezembro de 2013 | 21h 29
CARLA ARAÚJO - Agência Estado

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva iniciou o seu pronunciamento em um evento em Diadema, na Grande São Paulo, pedindo um minuto de silêncio em homenagem ao ex-presidente da África do Sul, Nelson Mandela, que morreu nesta quinta-feira aos 95 anos. "Tive uma grata satisfação de fazer parte de uma geração que lutou contra o apartheid", disse.

O ex-presidente comparou sua trajetória política ao líder sul-africano e disse que Mandela não conseguiu fazer muito pelo lado social, pois chegou tarde ao poder, porém, conseguiu vencer uma realidade que não tinha lógica. "Não tinha sentido a maioria negra ser governada pela minoria branca. Acontecia comigo a mesma coisa", disse, ressaltando que não entendia o porquê dos trabalhadores, que eram maioria, não chegarem ao poder. "Nem sempre a maioria descobre que é a maioria."

Lula exaltou a trajetória de Mandela e disse que o "mundo perdeu uma das pessoas mais extraordinárias que eu já conheci". "Compensa conhecer a história do Mandela porque ele servirá de exemplo", reforçou. O ex-presidente disse ainda que Mandela merecia ter um bom descanso. "Se existe um lugar no mundo para a vida depois da morte, se existe um paraíso, o Mandela merece estar nele", afirmou. E brincando concluiu a sua "homenagem" dizendo. "E espero aprender o caminho (do paraíso) para ir atrás."

Lula participa na noite desta quinta-feira da inauguração da Escola Livre de Formação Integral "Dona Lindu", em Diadema. O centro de ensino, que busca atender até 5 mil trabalhadores por ano, com cursos de formação e qualificação profissional, é uma iniciativa do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. A escolha do nome da escola foi feita em homenagem à mãe do ex-presidente, Eurídice Ferreira de Melo, conhecida como Dona Lindu, por ter sido a responsável pela entrada de Lula no curso do Senai.



Tópicos: Lula, Mandela

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio

  • Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio
  • Pasadena não foi um bom negócio, diz Graça Foster
  • Candidatos de oposição escolhem São Paulo para sediar campanha



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo