ir para o conteúdo
 • 

Patrocinado por

Você está em Notícias > Política

Proposta de iniciativa popular terá poder de mudar Constituição do Rio

Será necessária a adesão de no mínimo 1% do eleitorado, o que corresponde a cerca de 119 mil assinaturas em 10 cidades, para que as sugestões sejam apreciadas pelos deputados

20 de dezembro de 2013 | 19h 22
Thiago Mattos - O Estado de S. Paulo

São Paulo - A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou uma proposta que permite à população sugerir alterações à Constituição do Estado por meio de projeto de iniciativa popular.

De acordo com o texto, que teve aprovação unânime na quarta-feira, 18, serão necessárias assinaturas de pelo menos 1% do eleitorado estadual (cerca de 119 mil adesões) distribuído por 10 municípios, no mínimo, para a apresentação de uma proposta, que deverá necessariamente ser apreciada e votada em plenário. 

A Proposta de Emenda à Constituição, de autoria das deputadas Aspásia Camargo (PV) e Inês Pandeló (PT), estabelece um critério adicional para evitar a concentração de assinaturas nos grandes centros. A PEC utiliza como pré-requisito para que o texto seja apreciado pelos deputados a obrigatoriedade de ele ser subscrito por pelo menos 3% dos eleitores de cada uma das 10 cidades.

"Estamos criando um novo canal entre o Parlamento e a população", disse Camargo ao site da Alerj. Segundo ela, a proposta de iniciativa popular deve aproximar os deputados da população.

"A possibilidade de proposta legislativa por iniciativa popular já era prevista, mas não em emendas constitucionais. Essa PEC concede esse poder, que, embora tenha sido proposto antes das manifestações de junho, vem a calhar num momento em que os cidadãos buscam maior participação política", disse a deputada ao site da Alerj.




Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui

Siga o Estadão

Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio

  • Cerveró discorda que Pasadena era mau negócio
  • Pasadena não foi um bom negócio, diz Graça Foster
  • Candidatos de oposição escolhem São Paulo para sediar campanha



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo