Terça-feira, 17 de janeiro de 1911

Estadão

17 de janeiro de 2011 | 00h00

 

A construcção do primeiro dreadnougnt francez, o “Jean-Bart”, de 23.500 toneladas, no arsenal de Brest

 

 

 

ESTADOS UNIDOS

A fortificação do canal do Panamá pelos Estados Unidos- Um discurso do contra almirante japonez Yashiro no Panamá

WASHINGTON, 16 (D.)- Telegrammas recebidos do panmá informam que produziu grande sensação alli o discurso pronunciado pelo contra-almirante japonez Yashiro, que declarou que o governo dos Estados Unidos commeteria um erro, fortificando o canal do panmá, porque isso provocariam os protestos do Japão e de outras potencias.

ESTADOS UNIDOS

Lynchamento de três negros no Kentucky

NOVA YORK, 16 (H.)- Communicam de Shelbville, no Kentucky, que a população invadiu a prisão apoderando-se de três negros aos quaes se attribue a violação e o assassinato de uma mulher branca, lynchando-os.

O Imperador Guilherme II, da Allemanha,mata um javali acoado pelos cães.

 

 

 

 

ITALIA

O processo dos “camorristas”- Alejamentos e cozinhas para as testemunhas- Os accusados proclamam-se innocentes

ROMA, 16 (E.)- Informam de Viterbo que durante o processo dos “camorristas” implicados no duplo assassínio dos cônjuges Cuocolo-Cutinelli, serão preparados alojamentos especiaes e cozinhas econômicas para as testemunhas, que são mais de quinhentas.

ROMA, 16 (D.)- Os jornaes noticiam, em correspondências de Viterbo, que os accusados do processo Cuocolo-Cutinelli. Todos declaram que nunca pertenceram à “camora” e se dizem innocentes. Affirmam que o processo está baseado sobre invenções dos carabineiros e esperam que o jury reconhecerá a falsidade das accusações que lhes attribuem.

O sacerdote Cyro Vitozzi, um dos principaes compromettidos, que se achava em Roma, enfermo, foi conduzido para Viterbo em caminho e assistido durante a viagem por um medico legal.

O processo começará na segunda quinzena de fevereiro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.